Comparison between visual inspection of turbidity and quantitative determination of triglycerides in plasma bags

Comparação entre a inspeção visual da turbidez e a determinação quantitativa de triglicerídeos em bolsas de plasma

Aline Borsato Hauser1; Letícia Isabelli Accordi1; Mariana Vital Silverio Boganha1; Doroteia Aparecida Hofelmann1; Caroline Grisbach Meissner1; Adriana Nascimento de Araújo Buchmann2

1 Federal University of Parana, Clinical Analysis, Curitiba, PR, Brazil.
2 Parana Hematology and Hemotherapy Center (HEMEPAR), Curitiba, PR, Brazil.

DOI: 10.1900/JBPML.2022.58.421

ABSTRACT
Introduction: Blood donor screening is an important stage of quality control in blood banks. Turbidity caused by increased levels of triglycerides is detected by visual inspection, but there is no consensus on its threshold at which plasma should be considered inappropriate for donation.
Objective: Compare triglycerides dosage and visual turbidity in decision making for the disposal of plasma.
Material and methods: Plasma bags (n=205) were classified by visual inspection as clear, moderately turbid or turbid and triglyceride concentration were determined in serum and plasma with enzimatic-colorimetric methodology by automation.
Results: Our results show a positive correlation between serum and plasma triglycerides levels (r=0,94) but we observed a higher concentration in serum when compared to plasma samples (p<0,03). Most of the plasma were classified as moderately turbid or turbid (75%). Visual inspection and triglycerides levels were moderately correlated in serum (rb=0,57) and plasma (rb=0,52). However, moderately turbid samples showed discordance between serum or plasma triglyceride levels and the visual inspection.
Discussion: Our findings corroborate with the literature data, supporting the subjectivity of the visual inspection. We recommend further studies to determine which triglyceride threshold should be used for the disposal of plasma bags combined with automated methods to enhance visual classification accuracy.
Conclusion: Quality improvement actions are critical for standardization of the screening in order to avoid unnecessary disposal of the plasma bags.
Key words: triglycerides; blood banks; vision screening.

RESUMO
Introdução: A triagem das bolsas de plasma é uma etapa importante do controle de qualidade nos hemocentros. A turbidez causada pelo aumento de triglicerídeos é detectada por inspeção visual, mas não há consenso acerca do limite no qual o plasma deve ser considerado inadequado para doação.
Objetivo: Comparar a dosagem de triglicerídeos e a turbidez visual na tomada de decisão para o descarte do plasma.
Material e métodos: As bolsas de plasma (n=205) foram classificadas pela inspeção visual como límpidas, moderadamente turvas ou turvas e as concentrações de triglicerídeos foram determinadas no soro e plasma com metodologia enzimática-colorimétrica por automação.
Resultados: Nossos resultados mostraram uma correlação positiva entre soro e plasma (r=0,94) mas observamos que a concentração de triglicerídeos foi mais alta no soro do que no plasma (p<0,03). A maioria das bolsas foi classificada como moderadamente turva ou turva (75%). A inspeção visual e a concentração de triglicerídeos apresentaram uma correlação moderada para o soro (rb=0,57) e plasma (rb=0,52). Entretanto, no grupo moderadamente turvo, houve uma divergência significativa entre as concentrações de  triglicerídeos no soro/plasma e a inspeção visual.
Discussão: Nossos achados corroboram com a literatura, reforçando a subjetividade da inspeção visual. Nós recomendamos a realização de estudos futuros para determinar o limite dos níveis de triglicerídeos para o descarte de plasma em conjunto com a combinação de métodos automatizados para aumentar a acurácia da classificação visual.
Conclusão: As ações voltadas para a melhoria da qualidade são críticas para a padronização da triagem e evitar o descarte desnecessário de plasma.t
Palavras-chave: Triglicerídeos; Bancos de Sangue; Triagem.