Amino acid reference intervals by high performance liquid chromatography in plasma sample of Brazilian children

Ana F. Cruz; Tatiana Maria C. C. Barbosa; Talita Émile R. Adelino; William P. Lima; Magda O. Mendes; Eugênia R. Valadares
J. Bras. Patol. Med. Lab. 2016;52(2):70-77
DOI: 10.5935/1676-2444.20160012

ABSTRACT

INTRODUCTION: The high performance liquid chromatography is a technique used for quantification of amino acids in plasma. The definition of reference intervals in the population is very important for the diagnosis and monitoring of individuals with amino acid disorders.
OBJECTIVES: The objectives of this study were to validate a method for amino acids quantification and define reference intervals in Brazilian children.
RESULTS: Good chromatographic separation was achieved using C18 solid-core column. The method showed satisfactory linearity, limits of detection and quantification, precision and accuracy. The reference ranges for aspartate, glutamate, asparagine, histidine, serine, glutamine, arginine, tyrosine, alanine, tryptophan, methionine, valine, phenylalanine, isoleucine and leucine were defined in a group of 60 healthy individuals aged 2 to 14 years.
CONCLUSION: The presented technique can be applied in clinical practice. Each laboratory should preferably establish its own reference intervals. If that is not possible, it is recommended the use of the reference intervals described in this study for the diagnosis and monitoring of Brazilian children in this age group.

Keywords: liquid chromatography; inborn errors of metabolism; amino acids; reference values.

RESUMO

INTRODUÇÃO: A cromatografia líquida de alta eficiência é uma técnica utilizada para quantificação de aminoácidos no plasma. A definição de intervalos de referência na população é importante para o diagnóstico e o monitoramento de indivíduos com aminoacidopatias.
OBJETIVOS: Os objetivos do presente estudo foram validar um método de quantificação de aminoácidos e definir intervalos de referência em crianças brasileiras.
RESULTADOS: Boa separação cromatográfica foi obtida utilizando uma coluna de núcleo sólido C18. O método apresentou linearidade, limites de detecção e quantificação, precisão e acurácia satisfatórios. Os intervalos de referência para aspartato, glutamato, asparagina, histidina, serina, glutamina, arginina, tirosina, alanina, triptofano, metionina, valina, fenilalanina, isoleucina e leucina foram definidos em um grupo de 60 indivíduos sadios com idade entre 2 e 14 anos.
CONCLUSÃO: A técnica apresentada pode ser aplicada na prática clínica. Cada laboratório deve, preferencialmente, estabelecer os próprios intervalos de referência. Se não for possível, recomenda-se a utilização dos intervalos de referência descritos neste estudo para o diagnóstico e o monitoramento de crianças brasileiras nessa faixa etária.

Palavras-chave: cromatografia líquida; erros inatos do metabolismo; aminoácidos; valores de referência.